Secretário do Meio Ambiente de Ilhéus é acusado de... crime ambiental

Do Jornal Bahia Online (via Pimenta):

O secretário do Meio Ambiente, Harildon Ferreira, de Ilhéus, está sendo investigado pela Delegacia de Proteção Ambiental, instalada no município, acusado de praticar crime ambiental. Ele teria emitido uma autorização para extração de areia no litoral norte do município sem o devido cumprimento da lei, que exige documentação, licença e estudo de impacto ambiental da área e autorização expressa dos órgãos de proteção ambiental do estado. E o mais grave: a operação estava sendo realizada em uma Área de Proteção Ambiental (APA) do Parque do Conduru.

Harildon Ferreira emitiu um documento da Prefeitura sem cumprir, de acordo com o delegado Ismael Galo, os trâmites legais que regem as Leis Ambientais do estado. Detido em flagrante no último final de semana, o proprietário de uma loja de construção situada na entrada principal do bairro Teotônio Vilela e que no momento da ação policial trabalhava na área, apresentou a autorização emitida pelo secretário como a que dava plenos direitos à extração.